Archive for the pensamento do dia Category

Feliz dia das mulheres, papai

Posted in dunk sincerity, My dad can beat up your dad!, pensamento do dia with tags , , on 8 março 2011 by punkdoc

Sou mulher e sou roqueira desde criancinha, mas passei a maior parte da minha vida repudiando bandas femininas. Durante a adolescência eu tinha ‘nojinho’ daquelas garotas que eu via na MTV de batom vermelho borrado e cabelo despenteado com aspecto sujo. Toda vez que meu pai vinha mostrar para mim (para me incentivar) uma mulher tocando eu sentia um desconforto, um contrangimento que eu não sabia explicar, mas que hoje em dia tem um nome: “vergolha alheia de mim mesma”.

Eu simplesmente odiava bandas que levantavam a bandeira feminista, que falavam mal dos homens e pregavam que a mulher que se depila está se transformando em objeto sexual perante a sociedade etc;

Demorei muitos anos para entender porque eu me sentia desse jeito, tão desconfortável. Na verdade, a coisa era muito simples… Se tem outra palavra/conceito que eu odeio e também me faz sentir vergonha alheia de mim mesma é superação. Sempre ouvia que essas mulheres roqueiras tiveram que superar muita coisa em suas vidas para conseguir serem respeitadas e se expressar daquela maneira. Eu achava isso uma forçação de barra enorme…afinal o que havia de tão ruim e difícil em ser mulher? Por que que era diferente de ser homem?

Eu não entendia para quê tanto alarde em relação a isso devido à criação que eu tive. Meu pai criou para mim um mundo de total igualdade entre meninos e meninas, em que eu brincava de cybercops e jogava bola com meus primos (que viviam mais lá em casa do que na casa deles) com a mesma naturalidade que meus primos brincavam de casinha comigo. Eu subia em árvore e andava de skate mas pintava a unha de rosinha cintilante e era tudo normal.

Então, neste dia 8 de Março, eu quero agradecer a você, Papai, por ter me feito acreditar que a mulher pode ser/fazer o que ela quiser na vida, da astronauta à dona de casa; de rebelde à romantica; de roqueira à médica.

Anúncios

Questionamento existencial

Posted in Ahn?!?, pensamento do dia on 26 maio 2010 by punkdoc

Como você sabe que um queijo gorgonzola está estragado se ele já é naturalmente mofado?

A princípio essa pergunta pode parecer totalmente idiota, mas não se aplica somente a queijos. Como eu vou saber que realmente estou velha se me sinto velha basicamente desde que terminei o ensino médio?

Meu namorado falou…

Posted in Eureka!, pensamento do dia on 11 maio 2010 by punkdoc

…outro dia no elevador:

-Cara, Ultraje a Rigor é tipo o NOFX brasileiro, né?

Como eu amo esse menino hehehehehe.

Eu vejo o seu futuro…

Posted in dunk sincerity, Eureka!, Idéia Caótica, pensamento do dia with tags on 5 abril 2010 by punkdoc

Um amigo meu está mal de cabeça. Falta de mulher. Eu, tentando animá-lo (sem sucesso, claro) pergunto:

-Tem alguma coisa (coisa, não pessoa) que te acalenta?

Ele respondeu:

-Pô, beber. E tocar violão também, tipo, tão saindo umas letras, melodias e tal. E comer. Basicamente isso.
Espírito de porco que sou, cheguei a apenas uma conclusão:

-Então, basicamente vc me diz que vai virar o Fat Mike: gordo, bêbado e lançando 2 eps por ano?

Então tá…

Posted in pensamento do dia on 31 março 2010 by punkdoc

… o Dourado ganhou o Big Brother. Parabéns pra ele. Eu não posso dizer nada mais a respeito já não assisti um capítulo sequer, porque BBB não faz a menor diferença na minha vida. Mas se faz na sua, beleza. Tem tanta coisa que faz uma PUTA DIFERENÇA NA MINHA que é motivo de risada pra outras pessoas…

Então como diz a sabedoria popular: “Cada um no seu quadrado.”

______________________________________________________________________________
Ouvindo Satanic Surfers – Good Morning

Você sabe que está ficando velho quando…

Posted in Eureka!, Idéia Caótica, pensamento do dia on 31 março 2010 by punkdoc

… depois de uma noite de headbanging você tem que segurar sua cabeça com as mãos, porque o pescoço já não está mais aguentando.

Filosofia alheia

Posted in Ahn?!?, Idéia Caótica, pensamento do dia on 27 março 2010 by punkdoc

Pessoa que trabalha comigo essa semana soltou a seguinte pérola:

-“Porrada só não conserta vidraça.”

Então tá. Não vou discutir.